Marmelada Branca de Odivelas


É bom saber da preocupação dos municípios com a herança gastronómica da sua região. Ainda que, por vezes, a "preocupação" seja mais resultado da vontade/necessidade de gerar ou ajudar a manter receitas e negócios, o resultado é importante: mantêm-se tradições e saberes ou criam-se referências e, normalmente, produtos de qualidade e com identidade que, nestes tempos de normalização e uniformização, são excepção bem vinda.

Odivelas, cujas maiores referências históricas orbitam à volta do convento Bernardino, optou  - e bem - por, através da sua edilidade, patrocinar a criação da Confraria da Marmelada Branca de Odivelas, trabalhando para o registo da marca e para a sua qualificação.

Partindo da receita contida em "O livro das receitas da última Freira de Odivelas", o carácter único desta marmelada - a côr quase branca - deve-se ao teor de açúcar, mais elevado que o usado habitualmente, e à imaturidade dos marmelos usados. É considerada uma marmelada "de luxo"

No próximo dia 22 será lançada oficialmente a marca, na Loja do Munícipe situada no Centro Comercial de Odivelas. Igor Martinho, o Chef do Ano 2009 participará no Show Cooking que decorrerá durante o evento.

Comentários

Nos últimos 30 dias...