Portugal Gastronómico #50 - Silves

(Fonte: Wikipedia)
(Fonte: viajar.clix.pt)
Produtos DOP e IGP:

Integrado na área de produção de:
  • Citrinos do Algarve IGP
  • Mel da Serra de Monchique DOP

Bebidas:

Vinhos

DOP Lagoa
Castas
Vinhos Tintos: Negra Mole e Trincadeira (Tinta Amarela), no conjunto ou separadamente com um mínimo
de 70% do encepamento, Alicante Bouschet, Aragonez (Tinta Roriz), Cabernet Sauvignon, Castelão, (Periquita1), Monvedro, Moreto, Syrah, Touriga Franca e Touriga Nacional.
Vinhos Brancos: Arinto (Pedernã) e Síria (Roupeiro), no conjunto ou separadamente com um mínimo de 70% do encepamento; Manteúdo, Moscatel Graúdo, Perrum, Rabo de Ovelha e Sauvignon.
Características Organolépticas
Vinhos Tintos: Apresentam uma cor rubi que, com o envelhecimento, adquire um tom topázio. São aveludados, encorpados, frutados, pouco acídulos e quentes. Fáceis de beber, evoluem muito bem e têm grande longevidade.
Vinhos Brancos: Apresentam uma cor citrina, sendo robustos e suaves, com algum corpo e grande capacidade de evolução.

IGP Algarve

Outras
Aguardente de Medronho
Licores de fruta (limão, laranja, medronho, alfarroba, amêndoa amarga)


Melosa - preparação que combina aguardente de medronho e mel.


Produção concelhia:

Há vários alimentos com grande importância na gastronomia local. A saber:

. a laranja, que desde sempre teve uma qualidade superior e que é produzida em abundância, sendo Silves, a par de Tavira, a área de maior produção no Algarve e no país;
. o peixe e marisco, pese embora a faixa de costa do concelho seja pequena, mas ainda assim estes produtos representam uma atração e apresentam uma qualidade inigualável;
. os frutos secos (amêndoa, figos e alfarroba), que em tempos garantiram uma industria forte e pujante, que exportava para o continente americano e para África;
. os enchidos, no interior, também são de relevante qualidade;
. os doces tradicionais, sobretudo feitos com produtos como as amêndoas e os figos;
. os vinhos (atualmente com grande importância no panorama algarvio, já que 8 dos 16 produtores de vinhos de quinta são do concelho de Silves);
. o medronho, na zona serrana. (Câmara Municipal)

Pão artesanal e Folar da Páscoa (S. Marcos da Serra)


Produtores / Fabricantes:

Doçaria tradicional
Quinta dos Avós
Algoz; 282 576 459 ; quintadosavos@hotmail.com; www.quintadosavos.pt

Vinho
Quinta do Barranco Longo
Apartado 156, Algoz; TEL: 282 575 253; qtadobarrancolongo@mail.telepac.pt; www.quintadobarrancolongo.com
Vinho Regional Algarve. Marca: Barranco Longo, tinto, branco, o primeiro Espumante da região do Algarve e o primeiro vinho rosé português 100% fermentado em barricas de carvalho. Monocasta "Barranco Longo Alicante Bouschet".

Edite Maria Coelho Alves
Vale de Lousas, Alcantarilha; TLM: 967 012 444; joaquimalves007@hotmail.com
Vinho Regional Algarve. Marca: João Clara. Tinto, branco e rosé.

Joaquim Lopes – Paxá Wines,lda.
Quinta do Outeiro, Silves; TLM: 967 028 776; jlopes@paxawines.pt
Vinho Regional Algarve. Marca: Paxá. Tinto e rosé.

Patrick Agostini
Quinta do Francês
Sítio da Dobra, Odelouca; TLM: 963963616; pagost2000@gmail.com;
Vinho Regional Algarve. Marca: Quinta do Francês e Encostas de Odelouca. Tinto e rosé.

José Manuel Cabrita
Quinta da Vinha, Sitio da Vala, Estrada das Fontes da Matosa/Lagoa; TLM: 917236030
Vinho Regional Algarve. Marca: Cabrita. Tinto e rosé.

Quinta de Mata Mouros – ALGRA/Sociedade Agro-pecuária, Lda
Quinta de Mata Mouros,
Vinho Regional Algarve. Marcas: Y (tinto) e Xelb (rosé)

Quinta da Penina/A.A.C – Alcantarilha Agrícola e Comercial, Ldª.
Quinta da Lameira, Alcantarilha
Vinho Regional Algarve. Marcas: Foral de Portimão, Tapada de Penina, Quinta da Penina, João D´Arens, Al-Gharb, Marenostrum. Tinto e branco.

Quinta dos Vales - Agricultura e Turismo S.A.
Sitio da Vala, Silves; TEL: 282 431 036; info@quintadosvale.eu
Vinho Regional Algarve. Marca: Marquês dos Vales. Tinto e branco.

Aguardentes, licores, mel
Regionalarte
São Marcos da Serra; www.regionalarte.com

Luís José Gonçalves Sequeira
Aldeia do Talurdo, São Bartolomeu de Messines; 936 962 445

Baga-Mel - Sociedade Industrial de Bebidas Regionais do Algarve, Lda
Oliveira da Guerrila; 282 442 639; bagamel@mail.telepac.pt; http://bagamel.com


Pratos típicos característicos do concelho:

Sopa de mariscos à antiga.
Papas de Milho.
Caldeirada de peixe à moda de Armação de Pêra; Carapaus alimados; Bacalhau Abafado; Charros Alimados.
Coelho com Molho Escuro.

S. Bartolomeu de Messines: batatas à algarvia; folhados.

Doçaria
Messinenses de S. Bartolomeu de Messines; Morgado da Serra; Creme Fofo; Biscoitos de Limão.


Restaurantes referenciados:

Joaquim da Praça
Aldeia Ruiva, São Bartolomeu de Messines; Tel. 914 397 135;
Galinha cerejada, raia de alhada, ensopado de enguias, sabores da serra (porco preto grelhado, cogumelos salteados, migas e ovos mexidos), secretos de porco preto, costeletas de borrego grelhadas com orégãos, cataplanas.

Rocha da Palha
Rua dos Navegantes, Armação de Pêra


Quinta da Ribalta
Sítio da Ribeira Alta, Algoz; 282 575 714; http://restauranteribalta.pai.pt/
Acessos: Estrada Algoz - Messines.
Dia(s) de Encerramento: Terças
Entradas: Jaquinzinhos panados; Chouriço preto; Linguiça; Sopa de lebre; Papas de milho com amêijoas ou conquilhas. Peixe: peixe cozido; Feijoada de chocos e de buzinas; Bacalhau albardado. Carne: jantar de grão ou de feijão à moda antiga; Lentilhas com carnes e abóbora; Milhos com carnes na panela; Lebre com feijões; Mioleira de porco; Galinha com feijoca; Cabidela de galo; Galinha cerejada. Doces: Farófias; Toucinho do céu; Queijo de figo.
Estacionamento. Obrigatório encomendar e reservar.


Feiras de teor gastronómico:

Feira do Folar em S. Marcos da Serra (22 a 24 de Abril de 2011)
Esta ação, que vai já na sua 13º Edição, reúne uma série de produtores tradicionais, que não fazem somente o folar, mas uma enorme variedade de produtos regionais, que vão desde os doces e o mel, os licores e o medronho e uma série de outras produções. Os próprios artesãos trabalharão ao vivo, relembrando atividades tradicionais, como a cestaria, a venda de chás, a latoaria, a venda dos frutos secos e a trapologia. O largo da Igreja de S. Marcos e as ruas desta localidade do interior do concelho de Silves, conhecida pelo pão artesanal e pelo folar da Páscoa, encher-se-ão de animação e dos cheiros mais característicos desta quadra: a erva doce e a canela, o chouriço, que assa na brasa, o medronho que saiu do alambique… (site C.M.Silves)

Festival da caldeirada, em Armação de Pêra (Junho);

Feira dos Frutos Secos, em Alcantarilha (início de Setembro).


Agradecimentos:
Câmara Municipal de Silves - Gabinete de Informação e Relações Públicas


Bibliografia:
Produtos Tradicionais Portugueses, Ed. M.A.D.R.P, 2001
Guia de Compras-produtos Tradicionais 2011, Ed. QUALIFICA/Publiagro
Vinhos e Aguardentes de Portugal, Anuário 2009, Ed. Instituto da Vinha e do Vinho I.P.

EM CONSTRUÇÃO - O post irá sendo actualizado à medida que novas informações sejam obtidas.
Achegas e comentários, bem vindos como sempre

Comentários

sandra santos disse…
falta ai a melosa!!!!
PedroCG disse…
Já não falta. :-) Obrigado, Sandra!

Nos últimos 30 dias...