The Decadente, antes do tempo



O que leva um espaço ao estrelato? O que é que o põe na moda, faz dele sujeito de conversas e citações, objecto de conselhos? Que características terá para cair no gosto das gentes e o transformar num sucesso de vendas, de consumo ou de frequência?

Num tempo de maior inocência pessoal eu atribuiria essa responsabilidade, num primeiro patamar, à qualidade dos produtos e do serviço e, num segundo, à sintonia com a procura, com o estado de espírito ou com o sentir dos seus consumidores.

Depois de um jantar no The Decadente, o restaurante do hostel The Independente, fiquei com menos certezas.


Péssimo serviço, pratos com boa aparência mas completamente falhados nas combinações propostas, espaço acusticamente agressivo, dificuldades grandes de estacionamento nas proximidades e arredores.

E está cheio. É um mistério. Ou sou eu que estou exageradamente exigente ou são os padrões de exigência do público lisboeta que andam muito por baixo.


Couvert com pão apetitoso, chegado à mesa após muita insistência e como "oferta" (na conta, lá veio o "Q'houver"; fiquei sem saber onde ficou a oferta)
Bacalhau e mel: não mesmo uma combinação a considerar, especialmente quando o bacalhau se apresenta desenxabido no gosto como foi o caso. Será de repensar o modo de selecção das batatas, principalmente em apresentação com casca.
Variação do bife com ovo a cavalo. Não gostei do ovo escalfado/cozido a baixa temperatura. Carne no ponto. Num prato deste tipo, prefiro as tradicionais batatas fritas, ainda que aceite a variação.
Doce correcto
Uma última palavra para a atenção do pessoal que deverá ser redobrada no momento de fazer as contas. Uma incorrecção ainda se aceita como engano. Quando, como foi o caso, as contas de duas mesas contíguas se apresentam em simultâneo e estão ambas erradas, com pratos a mais que não foram consumidos, o caso passa a preocupante.

Classificação: Cozinha - 3,3/5 ; Global - 12,3/20
Preço: Uma refeição para duas pessoas, com o vinho da casa e os pratos mostrados ficou por 44,50€

The Decadente
Rua de São Pedro de Alcântara 81, 1250-238 Lisboa
Reservas: 91 306 93 45

Comentários

Isabel Saldanha disse…
Decadente...portanto...:)
PedroCG disse…
Completamente. Não sei se é de propósito para ser coerente com o nome ou se é velhice precoce.
Miguel Alves disse…
Bem, as fotos são fantásticas e ilustrativo do serviço. Do ponto de vista de marketing, confesso que não entendo o conceito através do nome, habitualmente são coisas mais "happy". Obrigado pela partilha.

Nos últimos 30 dias...