La Bullipedia

Têm uma certa graça - até se tornarem irritantes - as modas de adoptar a terminação de uma palavra mediaticamente reconhecível a qualquer caso - ou ocaso - posterior que se assemelhe. É uma espécie de asterisco a pairar sobre o nome, um eu-sei-que-vocês-sabem-do-que-estou-a-falar-por-isso-não-é preciso-esclarecer-mais-nada-não-sou-inteligente? a tiracolo.

Começou - que eu me lembre... - com o Watergate, escândalo de proporções americanamente bíblicas que deu a volta ao globo e foi o princípio do fim de um presidente. A partir daí, tudo o que tivesse a mais pequena hipótese de se parecer com ocaso de um mandato passou a terminar em... portão. Assistimos ao Iran-Contras-Gate (Reagan), ao AngolaGate (Miterrand filho), ao MonicaGate (Clinton marido), ao CamillaGate (príncipe filho) e a mais algumas dezenas das quais só tomei conhecimento porque fui à procura da confirmação na Wikipedia e descobriu que um maduro se tinha dado ao trabalho de os registar na totalidade em artigo dedicado.

Por falar em Wikipedia, aí está outro nome que passou a moda.

O primeiro a usar a boleia que chegou ao estrelato foi, evidentemente, o WIKIleaks.

Mas eis que nos chega o mestre e anuncia algo de... original? igual-aos-outros-mas-em-grande? aproveitador do nome alheio e da fama própria?

(Fonte: El pais)

Bom. Adrià anunciou ontem a intenção de criar online uma enciclopédia da cozinha contemporânea espanhola, leia-se (ou leio eu a partir das notícias sobre o assunto) o mais completo conjunto de informação sobre a sua cozinha, democratizando o acesso às ideias, às técnicas e aos modos.

Eu, que gosto muito do mistério e do prazer da descoberta, da liberdade e da individualidade, divido-me entre o aplauso e as reticências.

Uma coisa é ir - ou sonhar ir... - até à Catalunha descobrir o El Bulli e viver uma experiência única. Outra, tropeçar em cada tasca com wannabes Adriàs, imitações rafeirosas ou petulantes, passando a, forçado, habitar uma nova e desgostante ditadura do gosto-aprendido-na-tal-pedia.


Então e o meu Cyril e o meu Henrique e o meu José Júlio, e os meus restantes que tantos dias e noites de maravilha me proporcionaram, ficavam onde?


Comentários

Nos últimos 30 dias...